Cursos / 1º Ciclo / Faculdade de Arquitectura e Artes :: Arquitectura ( Mestrado Integrado)

English Version

MATERIAIS - 2020/2021

2º ano curricular
Semestralidade: 1º semestre
Códigos ECTS: 3.50

Docentes

Regente: Prof. Doutor Jorge Amaral
Assistentes: Prof. Doutor Bruno Marques

Carga Horária

Teórico-prática : 4 Horas

Objectivos Gerais

A disciplina de Materiais tem como objectivos gerais, a introdução às relações entre expressão material e expressão arquitectónica do espaço edificado.
Fomentar o sentido crítico do aluno no entendimento da relevância da componente material e construtiva na formalização e concretização do discurso arquitectónico do espaço construído.

Objectivos Específicos

Introdução aos instrumentos da representação construtiva e de um conjunto de conhecimentos essenciais no campo material da arquitectura e seus espaços construídos. Introdução à leitura da arquitectura na sua condição material e aos meios de apreensão dos aspectos construtivos da arquitectura.

Competências a adquirir

Sensibilidade crítica para as relações entre expressão material e expressão arquitectónica.
Entendimento dos materiais na construção do espaço arquitectónico. Aquisição de instrumentos ao nível da materialidade que suportem a actividade da arquitectura.

Metodologia de Ensino

Os trabalhos desenvolvem-se mediante a articulação de momentos teóricos e práticos. Nas aulas teóricas serão apresentados os exercícios a realizar, introduzidos os temas e as informações necessárias ao avanço dos trabalhos, assim como, periodicamente efectuadas apresentações e debate de resultados. Nas aulas práticas serão implementados e executados os exercícios propostos, apresentados, analisados, criticados e discutidos, em grupo ou individualmente, o progresso dos trabalhos.

Conteúdos Programáticos

Levantamento, análise, investigação e estudo de duas construções existentes no Campus da Universidade Lusíada Norte, Porto.
Esta primeira fase do exercício, realizar-se-à, por grupos de três estudantes, ficando ao seu encargo o levantamento de dois edifícios, construídos em épocas distintas.
Cada grupo ficará com a responsabilidade de executar o levantamento e respectivo registo à mão levantada, de uma secção do edifício, para posterior representação rigorosa.
Cada secção a estudar pelos diversos grupos de estudantes, terá de incluir obrigatoriamente, espaços interiores e a sua organização, como também a correspondente imagem arquitectónica.

O conteúdo programático da Unidade Curricular de Materiais encontra-se dividido em três fases:

1.ª Fase - Levantamento
1. Representação à mão levantada da secção do edifício correspondente em planta com a informação planimétrica dos espaços interiores, corte vertical e alçado[s] com informação altimétrica.
2. Dos desenhos de levantamento devem constar, as cotagens parciais e totais, em metros, dos espaços e secções levantadas e identificação dos principais materiais, que constituem a natureza construtiva do edifício.
3. Síntese de imagens relativas aos processos de reconhecimento do edifício a caracterizar, designadamente através da reprodução de esquissos, de esquemas de concepção ou de fotografias, entre outros.

2.ª Fase - Representação rigorosa
1. Planta, corte vertical e alçado [s] à escala de 1:50.
2. Outros elementos representativos dos espaços mais significativos dos edifícios.
3. Breve relatório dedicado à análise e interpretação a partir das diversas peças gráficas produzidas, [especial importância ao estudo das secções] identificando a importância da materialidade na forma e consciência construtiva de cada um dos edifícios estudados. A este estudo deve estar associada a reprodução de esquissos, esquemas de concepção ou de fotografias, entre outros.

3.ª Fase - Construção das maquetas
1. Maqueta da secção do edifício estudado à escala de 1:50.
2. Breve relatório sobre os materiais e as técnicas intervenientes nos processos construtivos. Pretende-se com esta síntese incentivar o desenvolvimento de uma consciência construtiva capaz de incutir no aluno um sentido crítico em relação ao ciclo de vida dos materiais e correspondente conservação dos sistemas construtivos empregues, nos dois edifícios estudados.
A junção das diversas secções executadas, deve representar a unidade que constitui o edifício estudado por cada grupo de estudantes.

Métodos de Avaliação

Pelo próprio carácter da disciplina, a avaliação será contínua e permanente. Neste sentido, serão tidos em conta a assiduidade, participação nas aulas, a regularidade e a continuidade do trabalho, a resposta face aos problemas e desafios lançados. Constará ainda da avaliação contínua a realização de duas provas escritas e entrega de trabalhos, de acordo com o calendário escolar. Serão ainda cumpridos os momentos fundamentais de avaliação instituídos: a Prova de Frequência e o Exame Final.

Recursos Didácticos

Para a concretização dos objectivos e competências exigidas, recorrer-se-á aos seguintes recursos didácticos:
- Computadores;
- Bibliografia especializada e disponibilizada na mediateca e biblioteca da Universidade Lusíada;
- Indicação de textos fundamentais para a aprendizagem e elaboração dos trabalhos de investigação;
- Material multimédia (documentários, imagens, etc.);
- Aulas de laboratório que incentive a investigação sobre os sistemas e materiais de construção.

Palavras Chave

materiais, experimentação, forma arquitectónica, expressão arquitectónica.

Bibliografia Principal

Autor HUGUES, Theodor; STEIGER, Ludwig
Título Piedra natural: tipos de piedra, detalles, ejemplo
Local Barcelona
Editora Gustavo Gili
Ano 2008
Autor HUGUES, Theodor; GREILICH, Klaus
Título Bloques cerámicos: detalles, productos, ejemplos.
Local Barcelona
Editora Gustavo Gili
Ano 2008
Autor HEGGER, Manfred; DREXLER, Hans
Título Materiales
Local Barcelona
Editora Gustavo Gili
Ano 2010

Bibliografia Complementar

Autor MASCARENHAS, Jorge
Título Sistemas de Construção, I, II, III.....XV
Edição 6-ª edição
Local Lisboa
Editora Livros Horizonte
Ano 2010
Autor CONSALEZ, Lorenzo; BERTAZZONI, Luigi
Título Maquetas: La representación del espacio en el proy